Oscar Estupiñán é apresentado oficialmente pelo Bahia: “um clube importante”

Novo centroavante do Bahia, Oscar Estupiñán é apresentado oficialmente para Nação Tricolor na Arena Fonte Nova

Anunciado oficialmente durante a semana de carnaval, o novo centroavante do Bahia foi apresentado nesta quarta-feira (14), na Arena Fonte Nova. O colombiano Oscar Estupiñán teve o primeiro contato com a imprensa baiana, falando sobre a carreira, estilo de jogo e a expectativa pela estreia com a camisa tricolor. O diretor de futebol, Cadu Santoro também esteve presente.

Estava esperando só acertar para desfrutar do grupo e da cidade. Alguns podem pensar que não queria vir da Europa para a América do Sul, mas o que o Bahia representa é grande. É um clube importante. É um privilégio representá-lo”, afirma o atleta tricolor.

Oscar oficialmente apresentado

atacante oscar é oficialmente apresentado pelo Bahia
Foto: Tiago Caldas/EC Bahia

Questionado quanto ao estilo de jogo, Oscar Estupiñán explicou que pode jogar tanto como camisa 9 centralizado, como flutuando na parte ofensiva, atendendo ao padrão tático utilizado pelo técnico Rogério Ceni. No elenco, Oscar terá concorrência do atacante Everaldo, que está no Bahia desde a temporada 2023.

Sou um jogador 9 que também pode jogar fora, independentemente do que queira o técnico. Estou preparado para me adaptar ao sistema. Venho treinando, estou preparado para quando o mister queira contar comigo”, disse o colombiano.

Atacante colombiano já virou baiano

O novo contratado do Bahia já teve nome publicado no BID, da CBF, mas ainda não fez sua estreia em campo. Todavia, o atleta já está conhecendo Salvador e esteve acompanhando as atrações do Circuito Batatinha, no Pelourinho, durante o carnaval. Emprestado pelo Hull City, da Inglaterra, será a primeira vez que Oscar jogará no futebol brasileiro.

Tive a oportunidade de ir ao Pelourinho. Pessoas magníficas. Cumprimentei os torcedores do Bahia. Desejaram que fosse um bom ano, de sucesso. Foi positivo para mim. Queria conhecer a cidade, o Centro Histórico, onde vou estar durante todo esse tempo. Fui feliz de ter essa oportunidade. E saber que vou sentir essa vibração no campo”, ressalta o atacante.

Número da camisa

No Bahia, Oscar Estupiñán utilizará a camisa 29, que já foi de Jacaré e Vinícius. O número é polêmico devido a história envolvendo o meia Vina no Clássico BaVi, em 2018, pelo Baianão. Na época, o atleta comemorou um gol fazendo dancinha em frente a torcida do Vitória, causando grande confusão no gramado do Barradão.

Desde então, o atleta caiu nas graças da torcida e passou o número para Vitor Jacaré, que também virou xodó da Nação Tricolor. Por conta do histórico positivo, Oscar explicou o motivo que levou a adotar o tão famoso número e espera também poder ser bem lembrado pelos fãs do Esquadrão de Aço.

Gosto do número. Me disseram que tinha histórico bom. Espero que continue sendo de maneira positiva”, finaliza.

Sou Preto, baiano e soteropolitano. Apesar da formação técnica em Eletrotécnica, encontrei no Jornalismo o meu melhor caminho para me desenvolver profissionalmente. Busco sempre passar a verdade nos meus textos e a isenção nas informações. Espero que num futuro próximo, diria uma música baiana famosa: “Quem sabe um dia a paz vence guerra. E viver será só festejar”

Deixe seu comentário